terça-feira, 1 de julho de 2014

Vai ter festa lá no meu hotel..!

Ok, tirem as crianças do colo, porque apesar desse blog não ter restrição de idade, hoje eu tô a fim de falar de putaria. Assim mesmo, nos termos mais chulos possíveis. Porque ainda é assim que muita gente imagina (e idealiza, também!) que seja a vida nos bastidores de uma banda de rock. Filmes como aquele "Rockstar", mostram uma realidade meio estereotipada que não corresponde exatamente com as minhas experiências, mas "Quase Famosos"quase lá. Não é à toa que é o "conto de fadas" da fifizada. Mesmo sem final feliz.

Olhaí, eu disse que queria falar de putaria, e já estou falando em conto de fadas. Bem minha cara isso, por isso que eu só me fodo... </3

Imagem: Graziela Albuquerque


De volta à putaria, então,vou contar uma história real dos bastidores de uma grande banda finlandesa - que, por razões óbvias, não vou citar o nome. (mas deixo a dica de que minha fonte é o baixista ;) , #partiu destrinchar a lista de baixistas finlandeses que eu conheço! Hahahahaha, boa sorte, miguxas stalkers! :D 


Essa banda tinha um membro recém-chegado, vindo já de outra banda grande, porém o cara era tipo "rockstar doidão", que curtia a farra intensamente.Enchia a cara, usava drogas, catava as groupies, passava o rodo na fifizada...Mas seu talento também era inegável, e o cara entrou pra banda, pro melhor e pro pior.

Um dia, deu um rolo lá que eu nem lembro agora. Acho que o cara se atrasou pra um show, ou alguma merda assim. Ele deu uma mancada fodástica, que fez a banda toda realmente ficar muito puta com ele.

Assim sendo, no show seguinte, ainda com todo mundo meio ressabiado (G-zúis, alguém ainda usa palavras assim ou só eu? ) com o cara, quando a banda subiu no palco para tocar, notou que na primeira fila, pra dentro da grade, estava um bando de fifis delícia. Um grupinho grande e atraente o sufiça pra fazer a banda inteira passar o show comentando entre si sobre as garotas. Seriam jornalistas? Produtoras? Namoradas dos seguranças? - os caras não tinham a mínima noção, mas estava muito engraçado como era claro que todo mundo no palco começou a dar aqueeeeela sensualizada na performance, pra chamar a atenção das gurias - como se precisassem..! Elas estavam quase se derretendo para eles...

Enfim, o show acabou, e eles foram pro camarim. Daqui a pouco, aparece a fifizada toda, aquelas da primeira fila.
Imagem meramente ilustrativa, catada no Google...Gente, pelamor, né? Essas aí são a Anitta e a Dany Bananinha!


E o rockstar-problema, da banda , já com uma garrafa de Jäger na mão, abraça logo de cara duas das fifis e anuncia: "Galera, eu sei que eu manquei com vocês da última vez, e tal... Mas eu já disse que não vai acontecer de novo. Eu queria pedir desculpas, e amanhã é day off, então... Eu convidei todas essas prostitutas pra gente se divertir essa noite!!"

Imagem meramente ilustrativa (fonte: Google)
Claro, não foi todo mundo da banda que entrou em orgia e fodeu três de uma vez de cabeça pra baixo, pendurado no lustre. Teve neguinho que capotou de bêbado, teve casado, cansado e estrelinha que foi dormir mesmo, teve roadie e entourage aparecendo pra festa...Enfim, rolou uma galerinha, rolou pegação, mas a maioria dos caras pegou só uma mina, foi pro quarto, normal. 

Pra falar a verdade eu nunca vi no heavy metal, uma cena dessas de "festa de fraternidade de universidade americana", dessas que têm à rodo no porntube e no redtube (uhu, me crucifiquem! Eu me amarro num pornô!).  E, de boa, eu nem sei como reagiria se estivesse num ambiente assim e, sei lá, tivesse um casal transando no sofá da sala, uns assistindo na cara dura, outros trocando uma idéia na varanda... manja, tipo: que nem festa de criança, mas ao invés de contratar o Patati e Patatá contratam uma mina pra dar ao vivo.

As fifis groupies que eu conheço acho que não se prestariam a esse tipo de coisa. A não ser que estivessem mesmo a fim, e foda-se. E, nesse caso, contra uma vontade legítima dessa, quem sou eu pra apresentar censura...Vai, fia, vai dar e ser feliz, porque a vida é assim: tem gente que impressiona no palco, tem quem saiba impressionar ainda mais fora dele.


Nenhum comentário:

Postar um comentário